Base de sustentação.

Estilosas maravilhosas,

este post é muito importante! Portanto, ATENÇÃO!

Desde o início do blog estamos preparando este post, e coube a mim a publicação (que responsabilidade!).

Muitas mulheres sofrem na hora de achar roupas pra vestir porque falta a base: a roupa de baixo. Aqui no Brasil, especialmente, já que pela forma do corpo da brasileira típica o foco maior é o bumbum, sempre tivemos poucas opções e pouco investimento nos sutiãs.

Para uma roupa vestir bem, um bom sustento é imprescindível, e o sutiã é praticamente tudo nesse sustento.

O sutiã deve ficar confortável, as alças devem ficar firmes para manter os peitos no lugar certo, a parte das costas deve ficar ajustada nas costas para não subir a medida que as mamas vão pesando na frente, não deve ficar apertada tão pouco, a taça deve cobrir o seio de modo que a aréola fique completamente tampada…

Por que no Brasil sofremos mais?

Poucas marcas têm opções de tamanho que combinem seios grandes com costas pequenas, e vice-versa. Existem poucas opções de modelos e tamanhos maiores de taça, os modelos para quem tem seios grandes são pouco anatômicos, entre outras coisas. Quero criar aqui o movimento Sustenta Brasil, para que as marcas de sutiã brasileiras invistam em modelos mais anatômicos e adequados às nossas necessidades.

É preciso também ver o tipo do seu peito e o efeito que precisa do sutiã. Peitos mais abertos ficam mais bonitos com modelos que juntam e levantam, peitos mais altos e grandes se destacam mais com modelos mais fechados e cobertos, peitos mais caídos ficam melhores com sutiãs com aros estruturados e taça moldada, etc.

Quanto aos tamanhos achei no site da Valisere uma boa tabela:

Captura de Tela 2013-10-31 às 21.02.21

Ajuda bem! Os modelos que encontrei nas marcas brasileiras com tamanhos diferentes de taças e costas ainda são bem restritos, mas já vale. As marcas que encontrei com opções são:
Valisere
Darling
Liz

Lá fora os modelos e tamanhos são bem mais variados. Como já foi dito aqui no Confraria, a Victoria’s Secrets, e algumas lojas de departamentos gringas entregam no Brasil, e se você sofre muito com os sutiãs brasileiros, talvez valha a pena investir um pouco a mais para encontrar a base de sustentação perfeita para seus looks.

Outra dica interessante é quanto aos sutiãs sem alças: para quem tem seios grandes, invistam em um modelo tipo corpete, que tenha barbatanas e a cintura bem ajustada, assim ele não vai ficar caindo e você não vai precisar subir o sutiã o tempo todo. Outra coisa boa é ele ter os elásticos das costas mais largos e com fitas de silicone que ajudam para que não escorregue, caso não dê pra usar o corpete ou você tenha seios menores.

_8228672

Aqui encontramos um vídeo da Victoria’s Secret ensinando a medir para encontrar seu tamanho certo de sutiã.

Quem tiver problemas ou precisar de ajuda, mande um e-mail pra gente que ajudamos você a usar o recurso.

Sutiãs têm prazo de validade curto, especialmente se você usa o mesmo com frequência (seis meses, em média). É preciso verificar se os tecidos e elásticos ainda mantêm a mesma textura de quando você comprou, ou o efeito pode ficar comprometido.

Não deixem de seguir estes conselhos meninas! Vão ver como um bom sutiã muda a sua vida, inclusive diminui a dor nas costas, melhora a postura, a respiração e, principalmente, levanta tudo em você, sua auto-estima!

Espero que gostem e usem muito essas dicas!

Prontas para o próximo passo?

Beijos meus

Confraria do Estilo por Sofia Pires

Anúncios